Por que sua empresa deve focar em sustentabilidade para crescer?

Há muito tempo o tema sustentabilidade deixou de ser exclusividade de salas de aula e congressos sobre ecologia. Hoje, focar em questões ambientais […]

Barbara Brugger
20 de janeiro de 2023
Sustentabilidade nas empresas

Há muito tempo o tema sustentabilidade deixou de ser exclusividade de salas de aula e congressos sobre ecologia. Hoje, focar em questões ambientais está se tornando cada vez mais fundamental para empresas em todos os setores.

E o motivo não é segredo para ninguém: em um mundo com cada vez mais escassez de recursos naturais, mudanças climáticas e, agora, pandemias, investir em boas práticas poderá ser decisivo para o sucesso de qualquer negócio.

Assim, à medida que as cobranças sobre responsabilidade corporativa aumentam e a transparência se torna uma necessidade, as empresas estão percebendo a urgência de agir em sustentabilidade.

Afinal, o mercado – investidores e consumidores – está cada vez mais atento e favorecendo quem se mostra disposto a fazer diferente. Mas quais ações sua empresa pode tomar para seguir crescendo e ainda assim ser sustentável?

O que é ser uma empresa sustentável?

Sustentabilidade nos negócios significa implementar e gerir uma estratégia para reduzir o impacto negativo derivado das operações da empresa. Ou seja, envolve a integração de preocupações ambientais e sociais nas decisões de negócios.

Uma empresa considerada verde opera de acordo com os melhores interesses do meio ambiente local e global. Isso significa que ela apoia a comunidade e a economia dependentes de um meio ambiente saudável. Assim, ela adere ao triple bottom line (lucros, pessoas e o planeta).

Dessa forma, um negócio sustentável é capaz de ser lucrativo e ainda assim ser social e ambientalmente responsável. Ele prospera contribuindo para a estrutura dentro da qual opera.

Nesse sentido, as práticas sustentáveis são, normalmente, verificadas a partir de métricas ambientais, sociais e de governança, o ESG. Como se sabe, essa sigla, que em inglês significa environmental, social and governance, se refere a um conjunto de padrões para o comportamento de uma empresa usado por investidores socialmente conscientes para avaliar possíveis negócios.

Seguir os padrões ESG é, portanto, uma opção para empresas que desejam se enquadrar em seus moldes e, assim, atrair investimentos. E mesmo que não haja, a princípio, o interesse em novos investidores, vale a pena utilizar as diretrizes como um norte para a adoção de práticas sustentáveis.

Por que sua empresa deveria ser sustentável?

Sustentabilidade, conforme já mencionado acima, não interessa mais apenas aos estudiosos do tema. É uma estratégia de negócio.

Em longo prazo, obviamente, os benefícios para a preservação do planeta e da própria humanidade são incontáveis. No entanto, as empresas já podem colher os frutos da adoção de boas práticas de imediato. Entre eles:

● Atração e retenção de talentos. Em um mundo com pessoas cada vez mais conscientes e em busca de propósito em seu trabalho, esse é um diferencial. Ao menos é o que mostra uma pesquisa realizada pela Deloitte. Nela, é possível verificar que 49% dos profissionais da Geração Z e 44% dos millennials disseram ter feito escolhas de carreira com base em sua ética pessoal. Não focar em sustentabilidade pode significar perder talentos para os concorrentes;

● Construção e manutenção de cadeias de suprimentos mais resistentes e com menos chances de interrupções no fornecimento, garantindo o seguimento das operações;

● Construção de uma base de clientes cada vez mais fiel. Assim como os profissionais, os consumidores estão mais conscientes de seu papel na sociedade, buscando produtos e experiências de empresas sintonizadas com seus valores. Inclusive, cerca de 73% dos consumidores da Geração Z estão demandando por mais produtos sustentáveis;

● Valor de mercado: ações sustentáveis impactam diretamente na imagem da empresa junto ao mercado, atraindo investidores e parcerias. Aliás, uma pesquisa realizada pela Gartner mostrou que 85% dos investidores consideraram fatores ESG em seus investimentos. Enquanto isso, 91% dos bancos monitoram o desempenho ESG dos investimentos. Ignorar esses dados representa “deixar dinheiro na mesa”.

Como um bônus, é importante ressaltar que sustentabilidade e inovação caminham juntas. Por isso, investir em novas práticas significa descobrir melhores e mais eficientes formas de realizar as atividades da empresa.

Sustentabilidade e redução de custos

A economia é um benefício tão importante quando se fala em sustentabilidade que ela merece um tópico exclusivo! É claro que tornar o seu negócio mais verde demanda um investimento inicial, toda mudança é assim. No entanto, com o passar do tempo, esse investimento se pagará proporcionando redução de custos em longo prazo.

As boas práticas ambientais podem melhorar o desempenho do seu negócio e reduzir os custos, diminuindo o uso de matérias-primas, energia, água e embalagens.

Quando você utiliza materiais sem qualquer critério ou inadequados, por exemplo, há um duplo prejuízo:

● Você paga primeiro pelos materiais que não utiliza ou utiliza mal;
● Você paga uma segunda vez para se livrar deles.

Em uma empresa sustentável, há uma análise anterior à aquisição de qualquer matéria-prima, evitando desperdícios e gastos desnecessários. Além disso, durante a compra já deve haver um planejamento de como será o descarte. Quanto menos prejudicial ao meio ambiente e a saúde, melhor.

A utilização de materiais mais adequados é apenas um dos muitos exemplos de como sua empresa pode reduzir custos e evitar desperdícios adotando práticas sustentáveis.

Aliás, vale ressaltar que essas ações são, inclusive, apoiadas pelos governos. Os estados e a União possuem programas de créditos fiscais e abatimentos para quem se torna verde.

Sim, sustentabilidade é um excelente negócio!

Como ser uma empresa mais sustentável?

Você já sabe que investir em sustentabilidade é bom para o planeta e para os negócios, mas como sua empresa pode iniciar ou impulsionar esse movimento? Para quem está começando, pode parecer algo complexo, caro ou distante. Mas, na verdade, a sustentabilidade começa dentro de casa, no dia a dia.

Que tal verificar se nos estabelecimentos físicos os recursos como água e energia estão sendo utilizados com eficiência? A simples troca de lâmpadas e o incentivo sobre o uso consciente da energia pode representar uma enorme economia financeira ao final de um ano. O uso de painéis solares, então, pode gerar uma redução ainda maior.

Do mesmo modo, já verificou se os encanamentos estão em dia e sem vazamentos? Desperdiçar água é, sem dúvidas, deixar dinheiro escorrer pelo ralo. Sua empresa também pode pensar em maneiras mais eficazes de aproveitar a água da chuva, por exemplo. Tudo isso faz diferença! E sim, mesmo as ações mais simples configuram sustentabilidade.

Pensando em maior escala, é possível se unir a outras organizações e planejar ações de logística e distribuição mais eficientes. Assim, duas empresas poderiam dividir um mesmo galpão ou fretar um mesmo caminhão, evitando gastos desnecessários para ambas. Nesse caso, haveria também a redução do uso de combustível e consequente poluição do ar.

E os fornecedores? Você sabe a origem de todos os insumos utilizados em sua empresa? Além disso, na cadeia de produção há respeito ao meio ambiente? Ter consciência dessas informações é responsabilidade do seu negócio e ajuda a fazer escolhas mais sustentáveis.

Esses são apenas alguns exemplos de como uma empresa pode ser mais sustentável. É claro que cada negócio possui suas próprias particularidades e necessidades. Mas qualquer organização pode se reinventar.

E o uso de papel térmico faz parte da sustentabilidade?

No tópico acima foi mencionado o uso mais consciente de recursos. Falando nisso, você já pensou quanto dinheiro sua empresa gasta com a impressão de notas fiscais? Se vocês possuem diversos pontos de venda, faça essa conta de forma escalada. Quantas bobinas são utilizadas todos os meses?

Além do custo financeiro, vale lembrar que o papel térmico não é reciclável, sendo extremamente prejudicial para o meio ambiente e a saúde humana. O BPA, substância utilizada na fabricação desse material, está relacionado ao surgimento de câncer, infertilidade e diabetes, por exemplo.

Na natureza, o papel térmico é um problema do início ao fim. Sua produção gera grande impacto ambiental e o seu descarte inadequado causa bioacumulação na atmosfera, lençóis freáticos e solo.

Além disso, em apenas 1 ano, a produção consome 400 mil árvores, 35 bilhões de litros de água e 5 milhões de litros de petróleo. Ainda são despejadas 38 mil toneladas de CO₂ no ar. Esses números assustadores se referem apenas ao Brasil.

Cupom Verde

Os custos da produção de papel térmico

Mas se o fornecimento do cupom fiscal é obrigatório, como resolver o problema? A melhor opção é a substituição das notas impressas por cupons digitais. E é aí que entra o Cupom Verde, uma solução que permite que o consumidor receba no celular, via aplicativo, as notinhas após a realização de cada compra.

E o impacto no processo de vendas é baixíssimo, visto que ela só interfere no recebimento do cupom fiscal. Ademais, pelo app, os clientes podem localizar lojas parceiras do Cupom Verde na região e optarem fazer compras lá. É mais visibilidade para a marca e mais praticidade para o consumidor.

Cupom Verde

No app Cupom Verde, os clientes gerenciam suas notinhas e localizam lojas parceiras próximas.

E como o assunto aqui é sustentabilidade, o Cupom Verde, além de preservar árvores com a economia de papel, ainda planta novas mudas garantindo um impacto ainda mais positivo.

 

E você? Qual será o seu papel na sustentabilidade da sua empresa?

A revolução ambiental é uma realidade e, mais do que isso, um caminho sem volta. E quem não se adaptar vai ficar para atrás. Por isso, é fundamental pensar em soluções que impactem a realidade da sua empresa.

Sustentabilidade não é ideologia, é negócio. E dar importância à ela, como foi dito, é essencial para atender à pressão dos investidores, demanda do consumidor, aquisição de talentos e garantir o aumento da produtividade. Além de gerar economia e reduzir prejuízos.

Por isso, a hora de dar o próximo passo é agora! Converse com um consultor Cupom Verde e saiba como sua empresa pode se beneficiar com a emissão de cupons fiscais digitais. A natureza agradece e o crescimento da sua empresa também.

CONVERSE COM UM ESPECIALISTA

Preencha com os dados da sua empresa e entraremos em contato para o envio de um orçamento exclusivo.